Entre esboços a lápis surge, do traçado de Lúcio Costa, a vocação da Orla do Lago Paranoá: ser um espaço aberto ao público com potencial para abraçar vivências de esporte e lazer em harmonia com o meio ambiente. O projeto Orla Livre foi desenvolvido pelo Governo do Distrito Federal motivado por uma decisão judicial que exige a desocupação de áreas públicas próximas à margem do lago considerada de preservação permanente.

Em meio à natureza, cercada por árvores típicas do cerrado, a Orla tem trilhas para caminhada, corrida, ciclismo e outras atividades esportivas, como a que interliga o Parque Península Sul, o Parque Asa Delta e o Pontão do Lago Sul. E assim como Brasília foi concebida, a seleção do projeto de Urbanismo e Paisagismo, com 38 Km de extensão, foi realizada por meio de um Concurso Público.

Orla Livre

Passado, Presente e Futuro